The road so far (Part 1)

    Compartilhe
    avatar
    ADM Syn de Mephistofeles
    ADM
    ADM

    Localização : Maracanã

    Status
    HP:
    800/800  (800/800)
    Cosmo:
    800/800  (800/800)

    The road so far (Part 1)

    Mensagem por ADM Syn de Mephistofeles em Qui Ago 09, 2018 12:11 pm

    The road so far


    Aqui ocorrerá a Aventura do Espectro Sawyer de Leão e sua trajetória no nosso Universo.  

    Terras frias. Com uma camada de neve eterna em sua superfície (A baixa temperatura local faz com que elas não derretam, mesmo durante os meses do verão, quando a radiação solar é mais intensa.), há pouca vida inteligente.

    Com frios intensos, há uma alta taxa de mortalidade em visão das temperaturas. Os poucos habitantes (Basicamente idosos), passam a maior parte do dia envoltos por uma fogueira.

    Os habitantes das Terras frias orgulham-se dizendo que, apesar do frio intenso, a região é tão rica em recursos naturais que, provavelmente, deve conter todos os elementos da Tabela Periódica. Uma lenda local conta que, quando o Deus da criação estava criando o mundo e distribuindo suas riquezas, ao chegar na região teve as mãos entorpecidas pelo frio deixando cair lá todas as riquezas.

    Algumas informações sobre a área:
    - Mil habitantes, com 75% da população idosa.
    - Pesca como fonte básica de alimento. Um enorme mar congelado está presente nas imediações das Terras.
    - Localidades básicas: Tavernas, cavernas de elementos preciosos, local de pesca, Igreja, Quartel dos Stormcloaks (Exército da região), museu de artefatos históricos da cidade.
    - Temperatura sempre negativa no Inverno. Média de -25º no Inverno e 5º no verão.
    - Área com forte chegada de viajantes.

    O Player está liberado para a postagem de sua chegada ao local, tal qual seus objetivos neste local. Pode apenas explorá-lo ou mesmo destruí-lo (pra que?).

    Combine com o narrador antes de qualquer coisa, caso deseje seguir um rumo pré definido na história ou deixe rolar o Role Play.

    Condições Atuais

    - Estação do Ano: Inverno
    - Temperatura: - 15º Graus
    - Condição Climática: Geada.


    Thanks Tess
    avatar
    Sawyer de Leão
    Gold Saint
    Gold Saint

    Localização : Quinta casa, Leão - Santuário de Atena

    Status
    HP:
    800/800  (800/800)
    Cosmo:
    800/800  (800/800)

    Re: The road so far (Part 1)

    Mensagem por Sawyer de Leão em Qui Ago 09, 2018 2:26 pm




    Sawyer de Leão


    O santuário de Atena havia enviado o guardião da quinta casa em uma missão solo a fim de averiguar nas terras frias, a possibilidade de encontrar em sua rica variedade de recursos naturais uma forma de fortalecer o santuário no momento crítico em que o mesmo vivia. Sawyer particularmente preferia esse tipo de missão, então, não foi um problema para ele aceitá-la.

    Ao chegar nas terras frias, o santo de Leão logo sentiu na pele o castigo da baixa temperatura. Por mais agasalhado que estivesse, era impossível anular por completo  os efeitos do frio desgraçado que ali fazia.


    “Mas que droga!” – Era inverno e geava, não havia a menor condição de seguir caminhando naquelas condições, precisava encontrar um abrigo, mas aonde quer que olhasse via apenas casas trancadas com as luzes de dentro acessas, obviamente todos se protegiam do clima.

    Caminhou por alguns quarteirões até avistar uma taverna e se dirigir á ela, a urna em suas costas estava escondida por um longo manto de seda branco o que lhe permitia certa descrição em sua presença.  Dirigiu-se até o balcão onde se sentou em um banco que ali estava, olhou para o balconista e pediu uma bebida.


    - Hey garoto, me traga uma dose do seu melhor Whisky! – Fechou os olhos e respirou fundo revelando insatisfação.

    “ Estou aqui há menos de duas horas e já estou de saco cheio de tanto frio, como é que essa gente vive aqui? Tsc...  Ainda tenho que desbravar cavernas...Eu odeio este lugar!”


     


    _____________________


    avatar
    ADM Syn de Mephistofeles
    ADM
    ADM

    Localização : Maracanã

    Status
    HP:
    800/800  (800/800)
    Cosmo:
    800/800  (800/800)

    Re: The road so far (Part 1)

    Mensagem por ADM Syn de Mephistofeles em Sex Ago 10, 2018 10:57 am



    Álcool

    O Homem pensa ter na Cidade a base de toda a sua grandeza e só nela tem a fonte de toda a sua miséria. O homem famoso tem a amargura de levar o peito frio e trespassado por lanternas furta-fogo que os outros lhe dirigem.

    Chegaste ao cume? Está só e tens frio.

    O Cavaleiro Dourado, recém chegado a região, já sentia os efeitos degradantes que o frio apresenta aos viajantes de primeira mão: Irritação, estresse, vontade de se atirar da ponte mais próxima.

    Também deveras, o termômetro de mercúrio do centro, feito com bordas de titânio, estava parcialmente encoberto pela camada superficial de neve que caía em forma de geada sobre seus pés. O único modo ambíguo de se aquecer - corpo e mente - era a pequena taverna do Anão Manco, localizada próxima a ruela principal.

    Com a urna corpulenta no fago das costas, caminhou com dificuldade até o local. Empurrou a porta com cuidado, protegendo o rosto com seus braços do frio. Estava dentro.

    A Taverna era rústica, mas aconchegante. A iluminação ficava por conta dos enormes candelabros, aderidos a parede pela cera das velas. As mesas e bancos feitas de carvalho natural traziam o cheiro fresco da natureza.

    Não estava tão cheio, mas haviam pessoas o suficiente para que o som ambiente fosse carregado por risadas mal contidas e piadas horríveis. Por fim, dirigiu-se ao bar onde um senhor realizava uma apresentação de um coquetel, servindo em seguida a alguns desconhecidos, primeiros na fila.

    Retornou ao posto e os olhos fitaram o jovem Dourado. Logo ouviu o pedido, girou os calcanhares e alçou uma de suas velhas garrafas vermelhas.

    - Você é um viajante novato? Haha, eu entendo essa cara de irritação. O frio as vezes não é tão convidativo.

    Semi arqueou as sobrancelhas e volveu a guardar a garrafa recém alcançada. Mudou de ideia. Sacou do bolso uma pequena garrafa de licor e entregou a Sawyer.

    - Um Whisky não vai resolver seu estresse. Beba isso, é mais rápido do que uma bala. - Sorriu. - Aliás, meu nome é John, dono da Taverna do Anão Manco. Você me parece muito jovem para um mochilão por essas regiões. Qual seu nome?

    OFF:
    Vamos trabalhar seu personagem e as relações com outras pessoas no início. Vou me ater ao perfil psicológico do Swayer para desenvolvermos algo legal. Bom RolePlay pra gente Cute

    O Álcool sempre resolve tudo
    avatar
    Sawyer de Leão
    Gold Saint
    Gold Saint

    Localização : Quinta casa, Leão - Santuário de Atena

    Status
    HP:
    800/800  (800/800)
    Cosmo:
    800/800  (800/800)

    Re: The road so far (Part 1)

    Mensagem por Sawyer de Leão em Sex Ago 10, 2018 11:35 am




    The road so far




    Sua missão estava apenas no início, aparentemente não envolveria combates ou situações mais perigosas, apenas a morosidade tão entediante quanto a conversa furada dos clientes na mesa ao lado, talvez devesse se animar uma vez que passaria um bom tempo ali.

    Um balconista tagarela era só isso que faltava! O atendente prontamente ouviu o seu pedido e iniciou uma conversa tentando relaxar o santo, mal sabia ele que interações não eram nada convidativas para o leonino.

    Tomou em suas mãos a garrafa de licor do homem o olhando ainda com desconfiança. Depois, levou-a levemente até altura de seu nariz onde cheirou a bebida somente para se assegurar do que estaria ingerindo.

    - Sim. Eu sou Sawyer, estou de passagem por este inferno. – Deu o primeiro gole na garrafa e voltou seu olhar para os clientes que apesar de não serem tantos, faziam certo barulho no local, depois tornou a se virar para o balcão.


    - John não é? Diga-me John, porque estas pessoas insistem em morar em um lugar como este? Se eu não precisasse fazer esta pausa, jamais visitaria essas terras.  – Tomou outro gole.

    Seus olhos verdes ainda se mantinham focados no balconista, Sawyer não confiava nas pessoas e por isso analisava cada expressão seja facial ou corporal executada por John. Tentou obter algum tipo de informação sobre o lugar através daquele diálogo, afinal por mais que não gostasse da ideia, o guardião da quinta casa ainda precisava conhecer aquele povo e suas riquezas.


    - Relâmpago Amarelo -


    Créditos:  Valeu,Zetto!


    _____________________


    avatar
    ADM Syn de Mephistofeles
    ADM
    ADM

    Localização : Maracanã

    Status
    HP:
    800/800  (800/800)
    Cosmo:
    800/800  (800/800)

    Re: The road so far (Part 1)

    Mensagem por ADM Syn de Mephistofeles em Sex Ago 10, 2018 3:12 pm



    Frio, muito frio.

    Deus apenas fez a água, mas o homem fez o vinho. Aquele viajante olhou com desconfiança ao frasco. Obviamente, as mães sempre alertaram os jovens ouvintes a nunca aceitarem coisas vindas de estranhos.

    Era apenas um licor, afinal. Talvez a desconfiança sobre o Mundo e as pessoas que aqui habitam lhe trouxessem o vago senso de detetive/assassino, mas não era para tanto.

    A cada minuta, reclamava mais e mais sobre o clima e a região. Tal qual um animal depenado, chacoalhava o maxilar em menção ao frio e nem mesmo um gole daquele licor ardente lhe trouxe um afago.

    - Muito prazer Sawyer. Seja bem vindo a nossa humilde região. - Irônico, talvez.

    Retirou de um dos bolsos laterais do avental, um pequeno pano de seda que tratou de bailá-lo em torno do balcão de carvalho, imundo após um longo dia de trabalho. Assobiava a cada circunferência feita com a mão direita.

    - Sabe, você não é o primeiro viajante reclamão e não vai ser o último. Nossa região é fria, mas existem algumas coisas legais a se fazer. Já experimentou conversar com o dono do Museu de Relíquias? Ele tem umas histórias interessantes que podem lhe fazer parar de pensar no frio.

    Sorriu. Sentiu empatia pelo rapaz, ainda que ele permanecesse emburrado com a temperatura. Podia ver a má circulação em seus dedos, gélidos e arroxados. Tratou de jogar um pano quente em direção aos seus membros superiores.

    - Você reclama do frio, mas não tem uma roupa decente. Parece meu neto, jovem e teimoso. Essa juventude está perdida. Está hospedado em alguma pousada? Se não tiver nenhuma moeda de ouro, pode ficar no fundo da taverna. É modesto, mas temos cobertores novos.

    O Álcool sempre resolve tudo

    Conteúdo patrocinado

    Re: The road so far (Part 1)

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Out 20, 2018 12:19 am